Centeio ajuda diabéticos tolerantes ao glúten

Foto de Jens P. Raak em Pixabay.      O Centeio contém glúten, convém por isso estar atento a eventuais incompatibilidades totais ou momentâneas. 

Centeio (Secale cereale)

Planta: 

Mais comprido e esguio do que o trigo, com uma cor castanho amarelado ou verde acinzentado, o grão de Centeio é conhecido cientificamente como Secale cereale. Na moagem e refinação, ao contrário do trigo, é difícil separar o gérmen do farelo e do endosperma do Centeio, logo a sua farinha retém normalmente grande quantidade dos nutrientes originais. Um desses nutrientes é o glúten e desde que não haja intolerância é um cereal precioso na alimentação humana.

O Centeio é recomendado, por exemplo, para diabéticos tolerantes ao glúten, pois tem um índice glicémico, geralmente inferior aos produtos feitos a partir do trigo e da maioria dos outros cereais.

Propriedades:

Anticancerígena, antiflatulência, antidiarréicas, digestiva e, entre outras, emoliente, são algumas das propriedades do Centeio. Esta planta é rica em fibras (cerca de oito vezes mais fibra do que o trigo), minerais (fósforo, cobre, magnésio ou zinco…), vitaminas (em particular do complexo B) e pobre em calorias.

Benefícios:

  • Ajuda a perder peso,
  • arteriosclerose,
  • asma,
  • cálculo biliar,
  • doença degenerativa do cólon,
  • fortalece a flexibilidade das artérias,
  • hipertensão,
  • melhora a digestão e o metabolismo,
  • pressão arterial,
  • prisão de ventre,
  • úlcereas…

Como consumir:

A farinha de Centeio é muito usada para fabricar pães, bolos ou biscoitos. Se a opção for cozinhar o Centeio, comece por demolhar os grãos meia hora antes e só depois cozê-los em conjunto, por exemplo com o arroz, para servir como acompanhamento ou mesmo em saladas. O Centeio também pode ser usado para fazer molhos e sopas. O Centeio pode ainda ser consumido em germinados (entre 8 a 12 horas) ou em microvegetais. Se a opção for tostar os grãos de Centeio, então pode muito bem servi-los como cobertura do pão de um hambúrguer.

O Centeio é muito utilizado ainda na elaboração de bebidas alcoólicas (cerveja, whisky e vodkas), ou na alimentação de animais através de forragem ou feno.

Contra-indicação:

Os sensíveis ou intolerantes ao glúten não podem consumir Centeio, pois este atrofia as mucosas do intestino delgado, prejudicando o organismo e a absorção de diversos nutrientes dos alimentos. Convém por isso estar atento, uma vez que cada corpo é diferente e poderá provocar eventuais incompatibilidades, totais ou momentâneas, geradas pela sua ingestão.

Este texto é uma tomada de consciência. De acordo com a estação do ano e o momento em que se encontra, cabe a cada Ser sentir se deve consumir este alimento. A dosagem e frequência depende da natureza e da condição física de cada Ser Humano.

Sinta mais sobre cereais em:

Cereais devem ter um peso elevado na nossa alimentação

Conheça oito cereais que invadem a nossa mesa

Love
rfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-slide