Alcachofra limpa subcargas do fígado

Foto de JacLou DL em Pixabay.   A Alcachofra contém princípios ativos como a cinarina e o ácido cafeico que estimulam a formação da bile hepática, o que ajuda a regularizam a formação de sais biliares e o colesterol. 

Alcachofra (Cynara Scolymus)

Propriedades:

Antidiarreica, afrodisíaca, depurativa, digestiva, diurética…

Infusão:

Comece por colocar duas colher de chá de Alcachofra seca, durante alguns minutos, num pouco de água fria dentro de uma chávena. Depois, junte água aquecida até aos 90º.C (isto é, quando água começar a querer ferver) e tape durante 10 minutos. Quando arrefecer está pronto a consumir (veja aqui como fazer uma infusão).

Aplicação:

  • Anemia,
  • bronquite asmática, 
  • colesterol,
  • diabetes,
  • doenças hepáticas (fígado, vesícula),
  • eczemas,
  • erupções cutâneas,
  • escorbuto,
  • hemorróidas,
  • icterícia,
  • má digestão,
  • prostatite,
  • psoríase,
  • raquitismo,
  • rins,
  • ureia,
  • uretrite…

Contra-indicação:

Grávidas e em fase de amamentação. Além disso, como cada corpo é diferente, convém estar atento a eventuais incompatibilidades, totais ou momentâneas, geradas pela sua ingestão.

Este texto é uma tomada de consciência. De acordo com a estação do ano e o momento em que se encontra, cabe a cada Ser sentir se deve consumir este alimento. A dosagem e frequência depende da natureza e da condição física de cada Ser Humano.

Sinta mais sobre infusões em:

Chas verde, branco ou preto bloqueiam sistema hormonal

Chá, Infusão ou Tisana, faz toda a diferença

Qual o segredo para preparar uma infusão

Qual a infusão mais adequada ao seu momento?

Love
rfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-sliderfwbs-slide